Na Minha Estante #01 – Zettai Heiwa Daisakusen

No primeiro post da coluna “Na Minha Estante”, um shoujo que tornou-se rapidamente um dos meus favoritos! Casamento arranjado, ação, guerra, comédia e romance! Tudo muito bem balanceado neste mangá da ótima Ogura Akane! Com vocês, Zettai Heiwa Daisakusen!

Zettai Heiwa Daisakusen (Estratégia Absoluta de Paz) é um mangá já finalizado de Ogura Akane, possui quatro volumes e foi serializado na Lala DX entre setembro de 2007 e outubro de 2010.

Capa do primeiro volume

Sinopse

Temos dois reinos em guerra: Canaan (claramente uma referência aos povos arábes) e Meteora. Só que a princesa de Canaan, Euda, e o príncipe de Meteora, Johanne, se “apaixonaram” e imploraram para que o povo de seus países e os reis acabassem com a guerra. Assim foi feito, mesmo com relutância. Depois de alguns anos, Euda e Johanne ficam noivos. Só tem um porém: a relação deles não é nada amorosa. Euda o despreza intensamente, enquanto Johanne tenta e tenta sem descanso se aproximar da garota. Quer dizer, todo a conversa de “se apaixonaram” foi nada mais nada menos do que um plano dos dois para acabar com a guerra.  Enquanto para os holofotes, o casal tem que se mostrar amoroso e todo “lovely-dowey”, na vida pessoal dos dois, é briga, briga e briga. Claro, como um shoujo, vocês já podem imaginar o que esse romance vai dar. Com cenas românticas muito fofas e lindas, o passado “sangrento” de Johanne, intrigas, brigas, comédia, enfim, muita coisa.

Consideração Técnica (Arte)

Já confesso: acho o traço de Ogura Akane um dos mais bonitos na área shoujo atualmente. Já li outros trabalhos dela, como Mademoiselle Butterfly, e não tenho dúvidas quanto achar o traço dela muito bonito. Em Zettai Heiwa Daisakusen, o figurino é um dos destaques. As roupas do povo de Kanaan são bem árabes, e Euda tem algumas roupas maravilhosas, como seu vestido de casamento ou simplesmente os vestidos que ela usa em Canaan. Já o povo de Meteora, de maioria, aparecem com roupas militares, ou bem ocidentais. É bem ocidente X oriente.  Quando a autora decide fazer a versão “chibi” dos personagens, também consegue manter o charme do seu lindo traço. As vezes, claro, temos rostos distorcidos, mas nada que detenha o apreciamento da obra. Já o cenário também é muito bem feito, como o castelo onde Euda e Johanne vivem, e Canaan em si.

Personagens (Casal principal e individualmente)

Zettai Heiwa Daisakusen pode não ter um grande elenco. Nem um forte desenvolvimento em todos os personagens. Mas alguns ganham profundidade e destaque na trama. O casal principal, Euda e Johanne, é um o grande (dã) destaque do mangá, tento uma relação conturbada no inicio, mas que vai aflorando e virando um lindo e grande amor. Euda é teimosa, gentil, bondosa, justa, determinada e, bem, uma garota descobrindo seus sentimentos, descobrindo o amor. Johanne é determinado, apaixonado, justo e um tanto sangue frio. O mais engraçado é a dinâmica dos dois no começo: na frente das câmeras, puro amor. Mas pessoalmente, Euda dava chutes e boas voadoras em Johanne. Puro amor.Agora, dos secundarias, dou destaque ao pai de Euda, que fará o leitor dar boas risadas; As damas de companhia de Euda, Racquel e Rebecca; Joshua, o irmão clichê de Johanne que sofre por não ser o escolhido para assumir o trono; Daniel, o pequeno sobrinho de Johanne e Rafael, o personagem frio e encantador. O elenco em si é bom, mas senti falta de um desenvolvimento maior nos personagens secundários…

Considerações Finais e Por que está na minha estante:

Eu gosto muito desse shoujo, como dito nos primeiros parágrafos, mas tenho certeza que muitos não gostarão da temática, enquanto espero que outros gostem tanto quanto eu. Está longe de ser um shoujo perfeito, marcante na minha vida, mas é muito bom, na minha singela opinião Dei muitas risadas, dei altos suspiros e me apeguei aos personagens. Por isso este mangá está na minha estante. Por ser um ótimo shoujo em tempos que sinto falta de shoujos bons. Se eu leria novamente? Com toda certeza. Se eu recomendo? Bom, caso você goste de shoujos com ação, drama e comédia, este mangá é perfeito para você. Agora, se você quer algo diferente, longo e marcante, vá ler algum josei ou outro shoujo. Estou ansiosa para o próximo trabalho de Akane-sensei e rezo para que algum dia, Zettai Heiwa ou Mademoiselle Butterfly sejam publicados ou nos EUA ou, quem sabe, no Brasil! Não custa sonhar.

Anúncios

Publicado por

Rah Walker

Aspirante a escritora, blogueira nas horas vagas, amante dos livros, anime, mangá, patinação e animação no geral.

4 comentários em “Na Minha Estante #01 – Zettai Heiwa Daisakusen”

  1. Ótima análise do shoujo. Ainda não o li, mas confesso que fiquei com vontade! Os traços são muito bem feitos e por ser apenas quatro volumes faz com que a leitura (aparentemente) seja dinâmica e não massante. Parabéns pelo post, de verdade!

  2. Saudações

    Este shoujo mangá tem todos os ingredientes necessários para atrair e reter os fãs do gênero. O texto ajuda muito na iniciativa de buscar mais informações sobre a obra.

    Acredito que seu objetivo com a análise foi concretizado, Rafa. Ótimo texto.

    Até mais!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s