Steins;Gate – 13

 E as cartas vão sendo colocadas na mesa!

 Novamente, Steins;Gate mostra como é um forte candidato ao posto de “Melhor anime de 2011” para muita gente. Este episódio foi sensacional de muitas formas.

Começando pela animação: eu já – sinceramente – estava acostumada com o qualidade do estúdio White Fox. Afinal,ele fez um dos meus animes favoritos do ano passado e com melhor qualidade visual. Ora, estou falando de Katanagatari! Por isso, a qualidade desse episódio foi a padrão do estúdio, porém, comparada a de outros, foi muito elevada. Comparem a animação deste e do episódio 12 com os dois primeiros da série. A mudança é bem significativa.

Agora, em relação ao plot (história) em si: não posso negar que na cena final, pensei no final de um certo jogo que foi assunto no twitter. O final de School Days onde Kotohana é empurrada por Sekai para os trilhos do trem. É, só que desta vez, não foi algo intencional e muito menos pelo carinha da vez – Okarin não é tão pegador assim. A câmera lenta e a menininha chegando em Mayuri já fez meu coração apertar, prevendo o que iria ocorrer. Então, a cena em si foi um tanto… Chocante. A reação de Okarin foi de quebrar o coração. Já a outra morte de Mayuri – parece até que estavam jogando os bad endings dela! – foi um pouco menos – mas mesmo assim foi – surpreendente. Ser atropelada pelo Moeka foi algo muito… Sem palavras. Já no começo do episódio, quando Suzuha entra e arrebenta todo mundo, fiquei feliz ao ver que talvez, finalmente, ela terá um maior desenvolvimento. Na parte onde Okarin mostra mais um pouco de seu passado, é explicado o porque de Mayuri ser sua “refém” e devo admitir: aquele abraço dos dois me fez pensar em um possível romance. Desculpe fãs de Okarin/Makise. Outro ponto que gostei muito foi ver como o circulo de amizade do Okarin é forte. Ruka, Makise, Daru, todos são muito amigos.

E assim, mais uma semana de espera. Próximo episódio Okarin tentará mais vezes salvar Mayuri! Será que ele irá conseguir?

Classificação: **** (Ótimo)

Bônus: Okarin, você era muito fofo quando criança!

Rah approves!
Anúncios

Temporada de Julho – Os Escolhidos

 É férias para os estudantes brasileiros e nada melhor do que uma temporada novinha para animar! Ou não.

 Não fico com medo de dizer que até agora, esta temporada promete ser a mais fraca. Sim, leitor. A mais fraca. Explicarei o por que.
 Posso estar sendo preciptada em dizer que pelo menos 50% dos animes que serão exibidos são… Bem, perda de tempo. Podemos apenas salvar, no máximo, seis a oito deles.
  É algo triste para mim esse dado, já que ano passado, a mesma temporada foi muito boa, com os animes High School of the Dead – odiado por uns, amado por outros – Densetsu no Yuusha no Densetsu – considerado para alguns o melhor anime do ano e para outros uma decepção – e o inicio de um dos meus grandes favoritos do ano passado no bloco noitaminA, Shiki.
 
 Desta temporada que – infelizmente – tem tudo para não empologar, mesmo com alguns titulos tem tudo para serem muito bons, escolhi – de inicio – apenas quatro. Sim, um número pequeno. Eles são dos estúdios BONES, Gainax, Production I.G  e Silver Link. Sabe de quais estou falando? Bem, respectivamente de seus estudios, falo de NO.6, Dantalian no Shoka, Usagi Drop e Baka to Test to Shoukanjuu Ni.

 A primeira imagem dest post – não, não o banner de GOSICK – é do anime Usagi Drop. Feito pelo estúdio Production I.G – o mesmo de Kimi ni Todoke e Library Wars – e adaptado de um mangá josei copilado em novo volumes, desenvolvido e desenhado por Yumi Unita, este anime que passará no bloco noitaminA substituindo Anohana como drama conta a história de Daichi, um homem solteiro de quarenta e poucos anos que, ao ir ao funeral do avó, descobre a existencia da filha – sim, você não leu errado. – ilegitima do falecido, Rin. Ninguém da familia a quer e Daichi decide cuidar dela, assim, enfrentando todos os problemas de ser um pai solteiro e conhecendo pela primeira vez os problemas de cuidar de uma criança.
Muitos dizem que este anime tem tudo para ir pro lado lolicon. Eu não acho. Já li o mangá e embora não goste muito do pulo no tempo no meio, admiro a história. Mas consiguira Usagi Drop ser melhor que seu antecessor? Dúvido. Estréia: 07/07

  Seguindo pela direita, temos a sequencia mais esperada por mim desde janeiro do ano passado. Falo de nada mais que Baka to Test to Shoukanjuu Ni. Adaptado do light novel homonimo escrito por Kenji Inoue e com ilustrações de Yui Haga, a história não é novidade para ninguém, mas, para quem não viu a primeira temporada e nunca ouviu falar nada sobre ela, aqui vai uma pequena sinopse: obre um colégio que realiza testes diferenciados para separar em classe os alunos bons dos ruins. Após o resultado do teste, o protagonista burro, Yoshii Akihisa, vai parar na classe F, que é a pior de todas tanto em nível de alunos como em estado de conservação. Ele admite o resultado, mas a heroína Shimada Minami, que é super inteligente, também foi parar na mesma classe injustamente. Akihisa, que já gostava há muito tempo de Minami, decide ajudá-la a subir de classe. Mas para isso, precisará desafiar as classes de cima em uma batalha que envolve invocação de criaturas, e o poder dessas criaturas dependem do nível de inteligencia e habilidade de seu usuário. Eu estava aguardando muito está segunda temporada e mal posso esperar para acompanhar novamente as aventuras dessa turma. Estréia: 07/07

Já a imagem a baixo de Usagi Drop é de um anime também baseado em um light novel. Produzido pelo estúdio amado por uns, odiado por outros, Gainax, Dantalian no Shoka já é comparado por muitos como um segundo GOSICK. Algo que não concordo nem um pouco. Escrito por Gakuto Mikumo e com ilustrações de G-Yuusuke, Dantalian promete se um anime bom. Pelo menos na minha opinião. A staff é competente e espero que o estúdio não sacaneie o final. A história é sobre Huey, um jovem ex-piloto, herdou a antiga mansão de seu avô bibliomanico falecido e com ele a colecção de livros armazenados lá dentro. No entanto, havia uma condição: ele também teve de herdar a “Biblioteca”.
Quando ele inspeciona a mansão, Huey descobre uma adega que é preenchida com pilhas de livros. No meio desses livros, ele se depara com uma menina de vestido preto que está em silêncio lendo um livro. Ela é chamada Dalian. Ela própria é a porta de entrada para a “Biblioteca de Dantalian Mystica”, que contém o proibido “Livro Phantom “. Estréia: 15/07

Por último mas sem desmerecer, temos o outro anime do bloco noitaminA que será o substituto de [C] como a ficcção cientifica da temporada. Estamos falando da mais nova produção do estúdio BONES, NO.6.
Adaptado do livro da autora Asano Atsuko, a história começa no ano de 2013 em NO.6, a sonhada cidade ideal criada pela humanidade. Nela vive o protagonista Shion, um menino que recebe educação de elite da cidade desde os 2 anos de idade. Bem no dia em que completou 12 anos, Shion encontra com um garoto chamado Nezumi (significa rato) que fugiu de uma “clínica de recuperação”. Shion acaba colaborando com a fuga dele, mas seu envolvimento é descoberto pelas autoridades e como punição ele é expulso do distrito Chronos para Lost Town, o pior lugar da cidade para se morar. Passado quatro anos e na miséria, Shion agora é um fugitivo acusado injustamente de assassinato e com isso vai descobrindo toda conspiração que está por trás de NO.6. Eu estava aguardando demais este anime desde que vi a imagem promocional. Espero que não decepcione… Estréia: 07/07

E é isso. Para quem está com dúvidas, continuarei a comentar sobre Ao no Exorcist, Gintama e Steins;Gate, animes que continuam nesta temporada. Talvez eu adicione outros animes para está temporada, mas tudo depende de seus primeiros episódios. Estou falando dos animes Blood-C, Itsuka Tenma no Kuro Usagi, Ikoku Meiro no Croisee the Animation e Mawaru Penguindrum.

Agora, é só aguardar!

Gintama – 211

 Uma frase resume tudo: shit got serious
 

Isso era o que eu estava falando. Quando Gintama fica sério, fica realmente sério. Esse episódio foi íncrivel.

A luta entre Gintoki e Jirochou foi brilhante, de tirar o fôlego. A animação estava perfeita e a todo o momento a ansiedade de ver mais e mais da luta crescia. Otose foi perfeita nesse episódio e Jirochou tornou-se um dos meus personagens favoritos da série.

Não há muito o que dizer.

Classificação: # (Foda)

[C] The Money of Soul and Possibility Control – 11 (END)

 Depois de 10 episódios, finalmente venho falar desse anime novamente

 Para quem se perguntou depois do post sobre o primeiro episódio de [C] a dez semanas atrás, venho dizer que sim, eu continuei assistindo a série.

[C] teve episódios muito bons –  06, 08 e 10 – e muito chatos – 02,03,04 – que fizeram desse anime uma perfeita montanha-russa. E esse final, com certeza, foi muito bom.

Começando com as cenas de ação que foram muito, muito bem feitas. A luta final entre Kimimaro e Mikuni foi íncrivel, de tirar o folêgo. Fiquei triste com ausência do melhor personagem do anime, Masakaki, mas mesmo assim, a cena de luta foi brilhante.

Já a resolução de todo o problema foi bem simples, inteligente.

[C] teria sido melhor como uma série de 24 episódios, sem sombra de dúvidas. Mesmo assim, devo confessar que a série tem seus charmes, como a trilha sonora, a ideia do dinheiro e uma direção muito boa de Kenji Nakamura.

Classificação: **** (Ótimo)

GOSICK – 22

Sim, eu estou fazendo fora de ordem.

Com certeza, GOSICK terá um final surpreendente. Resta saber se será para o bem ou para o mal. Em todo o caso, esse episódio foi excelente, iniciando muito bem o último arco.

Victorica continua brilhando, como sempre, e Kujo continua como o personagem principal sem brilho. Porém, esses dois, como casal, são muito fofos. Adorei a cena em que Kujo colocava o espartilho em Victorica, foi bem engraçada.

Porém, a cena final foi a melhor. O irmão de Victorica mostrou que não é apenas um personagem secundário, e sim, um vilão.Um grande vilão. Ele usa Kujo como refém para levar Victorica para seu pai e, obviamente, a garota aceita. Mas ninguém contava que ela iria chorar. E seu choro, seu grito… Apertou meu coração. Bato palmas para a dubladora.

Assim, faltam dois episódios para o final que tem tudo para ser muito bom ou muito ruim.

Classificação: *** (Excelente)

Ao no Exorcist – 07

Quem achou que eu havia largado esse anime estava errado.

Ignorando totalmente o episódio ridículo filler, Ao no Exorcist volta ao seu curso original com um bom episódio.
Conhecemos melhor a personagem Izumi, a tsundere do grupo e que é bem má com a doce Shiemi, fazendo-a de escrava no que ela chama de “ser amiga”. Inteligente, bonita (?), orgulhosa e com um passado misterioso, Izumi toma seu lugar como a “personagem feminina segundaria que irá gostar do principal”.
Rin nota o abuso que sua amada  amiga Shiemi está sofrendo, e em uma cena muito fofa entre os dois, ele tenta alerta-la do que Izumi está fazendo, mas a garota, querendo fazer amigos por conta própria sem a ajuda de seu Yuki-chan ou de Rin, diz para o amado amigo que não precisa da ajuda dele.
No final, Izumi recebe a noticia que sua única amiga, Paku, irá sair da academia, quando um demónio aparece e a ataca. A tsundere não consegue ajuda-la e após ser salva por Rin, mostra-se fraca e acaba sendo vista chorando por ele, que em um ato de herói a la Shounen Jump, joga a camisa em seu rosto e diz para ela ir embora antes que alguém a visse.
Próximo episódio, a ação volta com força total!

Sekai Ichi Hatsukoi – 08

Finalmente, começa o arco de Kisa e Yukina!

Aaah, eu estava tão ansiosa para que esse arco começasse logo. Nada contra Chiaki/Tori – muito pelo contrário – mas eu realmente gosto desse casal um tanto… Diferente.

Kisa é apaixonado pelo rosto de Yukina, um vendedor de shoujos em uma livraria. Sim, pelo rosto dele. Só com esse ponto, já dá para saber que será um casal diferente, não é? Só que tem mais uma coisa: Kisa, apesar de trabalhar na parte de shoujos da editora Marukawa, nunca se apaixonou. Com vocês, o uke da relação.

A maioria do episódio é ele pensando sobre Yukina, sobre amor, entre outros. Em certo momento, enquanto ele estava – para variar – observando de longe o rosto de Yukina, seu ex-namorado – espanto – aparece para tentar reatar com ele. Mesmo lutando contra isso, o ex insiste…
Até que Yukina aparece para salvar o dia!

No final, finalmente, temos o beijo entre os dois. Aah, fofo. Claro, Kisa fica totalmente surpreso com a investida de Yukina, mas que aquela cena é fofa, ah, isso é.

Próximo episódio, mais desse casal e quem sabe, mais do que um simples beijo? Duvido.

Classificação: *** (Excelente)